logo ILGA
DESTAQUE
NONSTOP regressam aos palcos no Arraial Lisboa Pride
Cartaz Arraial Lisboa PrideComunicado: A Associação ILGA Portugal – Intervenção Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo promove este ano a 22ª edição do Arraial Lisboa Pride, que acontecerá no dia 23 de junho (sábado) das 16h às 04h no Terreiro do Paço. Este é o maior evento LGBTI em Portugal que desde 1997 traz visibilidade à população Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo, numa celebração de orgulho na igualdade que decorre na principal praça da cidade de Lisboa .
Trans e Intersexo #DireitoASer
Video Trans e Intersexo - Direito a SerComissão para a Cidadania e Igualdade de Género: Dar voz a pessoas trans e a pessoas intersexo. Convidar toda a sociedade a vê-las, a escutá-las, a conhecer um pouco das suas histórias. Encorajar diversos públicos a saber mais, a questionar, a compreender.
 
Fórum internacional em Lisboa alerta que direitos das pessoas LGBTI na Europa estagnaram
idahot2018 sapo24Sapo24: Os direitos das pessoas na questão da opção sexual estagnaram ou regrediram na Europa, alertam hoje em Lisboa os participantes no Fórum Europeu sobre o dia internacional de luta contra a homofobia, transfobia e bifobia (IDAHOT).
Apoio às Vítimas: APAV e ILGA Portugal assinam protocolo de cooperação
ILGA APAVComunicado: – A APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima e a ILGA Portugal – Intervenção Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo assinam esta 5ª feira, dia 17 de maio, pelas 15h00, no Centro LGBT, um protocolo que irá enquadrar a cooperação institucional entre as duas entidades no âmbito dos direitos, proteção e apoio às vítimas de crime e de violência.
 
Portugal acolhe 6º fórum europeu no âmbito do Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia
Painel IDAHOT 2018Na próxima segunda-feira, dia 14 de maio, o Governo português acolhe o 6º Fórum Europeu realizado no âmbito das comemorações do Dia Internacional de Luta Contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia (IDAHOT).
Veto à Lei da Identidade de Género
Pelo comunicado do Presidente da República, entendemos que é favorável à autodeterminação das pessoas trans a partir dos 18 anos, sem a necessidade de um relatório médico. Do mesmo modo, o Presidente da República mostra-se favorável à necessidade de proteção das características sexuais de bebés e crianças intersexo. O problema reporta-se à situação de pessoas trans menores dos 18 anos. Para esses casos o Presidente considera que deve haver esse relatório.
 

SUBSCREVA NEWSLETTER
PESQUISAR
JUNTA-TE A NÓS
logo facebook logo twitter logo youtub logo sapo videos

ILGA-TE

DESTAQUE